DIA MUNDIAL DA OPTOMETRIA

Alcançar uma vida com visão saudável

De acordo com o World Report on Vision publicado pela Organização Mundial da Saúde em 2019, mais de 2,2 bilhões de pessoas em todo o mundo têm deficiência visual ou perda de visão, e esse número deve crescer pois a maioria das doenças oculares são mais prevalentes em adultos mais velhos. De facto, mais de 73% das pessoas com perda de visão são adultos mais velhos. No entanto, se detectada precocemente, a maioria das doenças oculares pode ser tratada ou a sua progressão ser retardada significativamente.

A importância da saúde ocular é uma pré-condição fundamental para a qualidade de vida que necessita de ser reconhecida em todas as políticas relevantes. Sem a capacidade de ver, os idosos podem ter dificuldades para se envolver socialmente e permanecer nos seus empregos. A perda de visão afeta a capacidade funcional de uma pessoa e é mais provável que ela sofra de depressão e exclusão e morra mais cedo.

É por isso que, juntamente com a Global Coalition on Aging (GCOA), a Agência Internacional para a Prevenção da Cegueira (IAPB) e a Federação Internacional sobre o Envelhecimento (IFA), a ECOO publicou um Resumo na Plataforma da OMS para a Década do Envelhecimento Saudável.

O tema do envelhecimento e da visão alcançou um importante impulso político, principalmente graças à resolução 73/310 da ONU Visão para Todos: acelerar a acção para alcançar os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, o Relatório Mundial sobre Visão da OMS e a resolução 73.4 da Assembleia Mundial da Saúde Cuidados Oftalmológicos integrados centrados nas pessoas, incluíndo deficiência visual e cegueira evitáveis.

Essas janelas oferecem uma oportunidade importante para se envolver com a política. Enfatizam a necessidade de incorporar consistentemente a visão e a saúde ocular em todas as idades em iniciativas políticas relevantes e comprometer-se com a implementação. Em consonância com este apelo à acção, o ECOO está a envolver-se ativamente com a Comissão Europeia na próxima Estratégia Europeia de Cuidados para destacar a importância da visão.

Mas ainda é preciso fazer mais para melhorar a compreensão sobre a importância da visão e sobre a saúde ocular ao longo da vida de uma pessoa. Isso requer educação e consciencialização, não apenas entre os idosos, mas também com os cuidadores e outros profissionais de saúde. Em última análise, a consciencialização sobre a saúde ocular e a promoção de exames oftalmológicos regulares devem ser impulsionadas por políticas públicas.

Profissionais de atendimento oftalmológico primário, como Optometristas, desempenham um papel importante. Um exame oftalmológico não verifica apenas a visão, é também um exame de saúde. A parte de trás do olho é a única parte do corpo onde os vasos sanguíneos podem ser avaliados por meio de inspecção visual e sem procedimento invasivo. Com demasiada frequência, são feitas falsas suposições sobre o envelhecimento: a perda de visão é aceite como normal quando na verdade não deveria ser. Todos temos o nosso papel a desempenhar para garantir que as pessoas tenham vidas mais longas, saudáveis ​​e activas.

Deixe uma resposta